A ação Justiça Itinerante no Parque Lagoas do Norte, que iniciou na segunda (16) e segue até esta sexta (20), tem como um dos serviços mais procurados a entrada de documentos para viabilizar o casamento comunitário, que realiza o sonho de muitos casais que não podem arcar com os gastos da cerimônia.

Roseane Romero, de 32 anos, é natural da Paraíba e mora na zona norte de Teresina há 20 anos. Conheceu o noivo Diemyson Moreira, de 35 anos, em uma festa de família, e após certo período de amizade, iniciaram o namoro. Conheceram o serviço disponibilizado pela Justiça Itinerante através de um amigo, e para Roseane, o casamento comunitário é uma ótima iniciativa. “Acho maravilhoso, pois realiza o sonho de muitas pessoas que não têm condições financeiras de casar” enfatizou a jovem noiva.

Dona Alzenira Pereira, de 53 anos, conheceu Edvaldo Soares, de 59 anos, ainda jovem, e desde os 17 anos de dona Alzenira o casal já mora junto. Mesmo depois de tanto tempo, ela não desistiu do sonho de casar e encontrou no Parque Lagoas do Norte a oportunidade mais próxima que faltava para dar entrada na documentação. “Eu sempre quis casar, então é um sonho para mim, que agora vou realizar pelo casamento comunitário. O serviço disponibilizado no Parque era o que faltava de comodidade para dar entrada na documentação ”, disse a dona de casa.

Para dar entrada no casamento, durante a ação da Justiça Itinerante no Parque, é necessário a seguinte documentação: para divorciados, certidão de casamento averbada e atualizada (2° via no cartório que casou, válidas somente por 90 dias); cópia da sentença e petição inicial (somente a cópia), RG autenticado, CPF (somente cópia) e comprovante de residência (somente cópia); para solteiros, certidão de nascimento atualizada (2º via no cartório em que foi registrada, válidas somente por 90 dias); RG autenticado, CPF (somente cópia) e comprovante de residência (somente cópia).

Já para viúvo(a), certidão de óbito (somente a cópia), RG autenticado, inventário (se não tiver, o casamento será no regime de separação de bens de acordo com a lei); certidão de casamento atualizada (2° via no cartório que casou; válidas somente por 90 dias); e comprovante de residência (cópia). Para todos os casos é preciso de duas testemunhas com cópia do RG autenticada e marcar no mínimo 30 dias antes do casamento.

A Justiça Itinerante no Lagoas do Norte acontece até esta sexta (20), de 08h às 14h, na administração do Parque, disponibilizando serviços judiciais e sociais gratuitos.

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).