O termo é importante para que o aeroporto de Teresina obtenha certificações junto à Anac

 
Créditos: Rômulo Piauilino

O prefeito Firmino Filho e o superintendente da Infraero no Piauí, Marco Aurélio Zenni, estiveram reunidos no final da manhã desta segunda-feira (14) para discutir a cooperação técnica para o Plano de Zoneamento de Ruído do Aeroporto Petrônio Portela. O plano fará parte do Plano Diretor de Ordenamento Territorial da Capital piauiense.

A intenção da Infraero é compatibilizar o uso e a ocupação do solo com os municípios de Teresina e Timon (MA) abrangidos pelas curvas de ruído e diminuir o impacto do ruído das operações aeroportuárias. O Plano de Zoneamento de Ruído é uma exigência da Anac – Agência Nacional de Aviação Civil – e já vem sendo discutido desde o ano passado entre a Infraero e a Prefeitura de Teresina.

Segundo o superintendente da Infraero, Marco Aurélio Zenni, o acordo de cooperação está concluído e o jurídico da PMT já sinalizou positivamente para a assinatura. “Estamos aqui para apresentar ao prefeito Firmino Filho a minuta para que possamos assinar”, detalha.

O Plano de Zoneamento de Ruído tem como objetivo representar geograficamente a área de impacto do ruído aeronáutico decorrente das operações no aeroporto Petrônio Portella. Ainda de acordo com Marco Aurélio Zenni, esse é um passo importante para que o aeroporto de Teresina possa obter certificações junto à Anac.

 

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).