Crianças participaram de um desfile

A equipe do Parque Lagoas do Norte realizou na manhã desta terça-feira (5), no Parque Encontro dos Rios, um piquenique com crianças da creche Tia Jane. A ação, realizada em comemoração ao dia mundial do meio ambiente, envolveu, além do lanche em meio a paisagem do parque, vários momentos de conscientização com as crianças sobre a importância da preservação ambiental.

Foram realizadas palestras, espetáculos artísticos com teatro de bonecos e a apresentação de um novo Crispim, personagem do folclore piauiense presente na lenda do Cabeça de Cuia. Na estória, Crispim é um pescador amaldiçoado pela mãe antes de assassiná-la com um pedaço de osso, passando a viver a vida a vagar pelo rio. Mas no piquenique, ao invés de vilão, Crispim é preocupado com a poluição, pois sofre com os efeitos do lixo jogado nas águas. As crianças também aprenderam cuidados básicos com meio o ambiente, como saneamento e reciclagem. Ao final, foi destruído um lanche saudável para os alunos da creche.

Crianças aprenderam com o personagem Crispim sobre a preservação ambiental

Para Cristina Oliveira, mãe de um dos alunos, o evento é bastante válido e importante. “Esse é o primeiro ano do meu filho na escola, ele só tem três anos e eu estou achando o evento muito importante, porque está colocando em ênfase o meio ambiente, ensinando as crianças a cuidar dos rios, onde se deve jogar o lixo. As crianças, quando aprendem elas não esquecem e realmente praticam, diferente de nós adultos. Estou achando tudo muito lindo e todo esse conhecimento repassado é muito importante”, destacou Cristina.

Com a ação, a equipe do Parque Lagoas do Norte busca uma maior interação com a comunidade, ajudando na educação das crianças das redondezas. “A educação ambiental tem duas vertentes, a formal, dentro da escola, e a informal, fora dela. Nós temos que ter a sensibilidade da comunidade, a participação dos pais e a boa vontade da criança para fazer essa interação. Conseguimos fazer isso hoje, e essa é nossa meta. Sempre vamos buscar fazer eventos dessa natureza, buscando repassar conhecimento social e ambiental de uma forma lúdica e descontraída para o melhor entendimento dessas crianças”, concluiu o diretor do Parque Lagoas do Norte, Jorginei Moraes.

 

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).