Segue aberto até o dia 23 de julho o prazo para recebimento de propostas das empresas interessadas em participar do processo licitatório das obras de requalificação urbana e ambiental das lagoas Mazerine, Piçarreira, Oleiros e São Joaquim, na zona Norte de Teresina. As obras serão realizadas pela Prefeitura de Teresina, por meio do Programa Lagoas do Norte, e o edital de licitação está disponível no site da  Secretaria Municipal de Planejamento e Coordenação – SEMPLAN: http://semplan.teresina.pi.gov.br/lagoas-do-norte-licitacao-2018/ .

De acordo com o edital, as intervenções contemplam uma área de 16,7 hectares, com especial atenção à requalificação de orla das lagoas e à arborização ao longo desses passeios.

“O objetivo das intervenções é tornar esses espaços mais agradáveis à comunidade, transformando-os em locais de convivência comunitária, melhorando a qualidade de vida das pessoas e estimulando o lazer e a prática de esportes. Em todas as lagoas, serão feitas pistas e passeio para caminhadas, parques infantis, área ambiental e melhoria do sistema viário e de iluminação”, explica Marcio Sampaio, diretor do Programa Lagoas do Norte.

O diretor observa que o edital versa sobre a requalificação urbana e ambiental parcial das lagoas Mazerine, Piçarreira e Oleiros e total da Lagoa do São Joaquim: “O edital está disponível no site da SEMPLAN e descreve todas as regras do processo licitatório. Segundo versa o próprio edital, a equipe do Programa Lagoas do Norte está disponível para dirimir possíveis dúvidas dos concorrentes. É importante estar atento às regras do processo e aos prazos”, diz.

Marcio Sampaio ressalta ainda o propósito das obras de requalificação das lagoas: “Ao final das intervenções, essas áreas favorecerão a convivência comunitária, integrando os equipamentos existentes à requalificação das lagoas através do pavimento, mobiliário urbano e vegetação. Na Lagoa Mazerine, a Prefeitura fará também a reforma da quadra poliesportiva já existente e a construção de sua cobertura, além de quiosque com banheiros e interligação com o Terminal de Integração Rui Barbosa”.

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).