O ex-policial do BOPE Claudemir Sousa, assassinado em dezembro de 2016, terá seu nome em uma rua do bairro Saci, zona sul de Teresina, onde vivia com a sua família. Ele é um dos homenageados da edição 2018 do Projeto Cultural “Se Essa Rua Fosse Minha”, organizado pela Prefeitura de Teresina através da Secretaria de Planejamento e Coordenação (SEMPLAN), que busca valorizar pessoas que contribuíram para a sociedade teresinense batizando vias ainda sem nome na capital piauiense.

O nome de Claudemir foi sugerido pela sua irmã, que fez o cadastro no site da Secretaria Municipal de Planejamento e Coordenação e foi posteriormente aprovado pela comissão de avaliação do projeto. Na última terça-feira (31), foi realizado o sorteio das vias que receberão o nome de cada homenageado, e ficou definido que o nome de Claudemir batizará uma rua no bairro Saci, onde ele viveu e onde ainda residem os seus familiares.

Pai de Claudemir, o senhor Manoel Sousa comemorou a homenagem ao filho. “Eu me sinto muito feliz, estou cheio de alegria porque meu filho foi homenageado com o nome de uma rua no bairro em que viveu. Para mim é muito prazeroso”, conta ele.

Seu Manoel também destaca a importância da homenagem acontecer no seu bairro, onde Claudemir era bastante conhecido pela comunidade local. “É uma alegria muito grande para muitas pessoas que moram no Saci, porque ele era uma pessoa muito querida dentro do conjunto e que prestou muito serviços à comunidade. Essa homenagem fortalece a imagem do meu filho, agora tenho mais certeza que jamais esquecerão dele”, diz.

Jhamille Almeida, secretária executiva de Planejamento Urbano da Semplan, ressalta que a intenção do projeto é justamente fazer as pessoas se identificarem com os nomes que batizam as ruas. “Ao invés de homenagearmos pessoas de fora, que também tem sua importância, vamos lembrar de pessoas próximas de nós. No caso do Claudemir, é alguém que infelizmente se foi de forma trágica, mas agora terá sempre uma lembrança no bairro em que construiu sua vida”, afirma. “É uma forma de a Prefeitura reconhecer o valor das pessoas que contribuem, muitas vezes anonimamente, para o bom andamento da cidade”, reforça o secretário municipal de planejamento, José João Braga.

Após o sorteio, o próximo passo do projeto é encaminhar a minuta de lei para nomeação das ruas para a Câmara dos Vereadores. A aprovação deve acontecer ainda no mês de agosto, e no dia 30 será realizada a solenidade com a entrega dos certificados e placas comemorativas para as famílias dos homenageados, no auditório Ypê da Uninovafapi.

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).