O prefeito Firmino Filho, acompanhado do secretário municipal de Planejamento e Coordenação, José João Braga, do diretor geral do Programa Lagoas do Norte (PLN), Márcio Sampaio, e de representantes da Caixa Econômica, visitaram as obras da construção do residencial Parque Brasil, na zona Norte de Teresina. O conjunto, contrapartida da Prefeitura pelo financiamento do Banco Mundial ao PLN, teve os trabalhos iniciados em setembro e os primeiros passos estão sendo concluídos.

Durante a vistoria, foi observado que a fase de terraplanagem do terreno está quase completa e as primeiras casas começaram a ser levantadas. Além disso, também estão sendo feitas as fundações dos prédios residenciais que serão construídos para abrigar as famílias menores. Para Márcio Sampaio, diretor do programa, o empreendimento está evoluindo conforme o esperado.

“Foi uma visita para ver o andamento da obra, e está muito bom. Em breve estarão concluídos os módulos padrão, para mostrar às pessoas o que vai ser oferecido a elas, e o prazo é que no primeiro semestre de 2020 esteja tudo concluído”, afirmou Márcio.

“Com este residencial, conseguiremos atender perfeitamente essas famílias, melhorando as suas condições de habitação e em uma área com infraestrutura mais do que adequada”, disse o secretário de Planejamento, José João Braga.

O projeto

O projeto do novo residencial, desenvolvido em parceria pelos arquitetos do PLN e empresa contratada pela Prefeitura com recursos do Banco Mundial, mostra características únicas que priorizam a ocupação do espaço urbano, a mobilidade, acessibilidade, acesso aos serviços públicos e drenagem urbana, garantindo mais qualidade de vida para a população.

O residencial receberá famílias reassentadas pelo Programa Lagoas do Norte e está localizado a apenas quatro quilômetros de distância das regiões que receberam intervenções e terá uma área de aproximadamente 250 mil m².

Primeiras casas começam a ser erguidas no local

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).