SEMPLAN – Secretaria Municipal de Planejamento e Coordenação
Teresina, 25 de Abril de 2017
[widgetkit id=62]

Agenda 2030

Planejar o desenvolvimento de Teresina para os próximos 15 anos. Com esse objetivo, a Prefeitura Municipal lançou a publicação Agenda Teresina 2030: A Cidade Desejada,   A Agenda Teresina 2030 está dividida em cinco eixos temáticos – Cidade Sustentável, Cidade de Oportunidades, Cidade de Direitos, Cidade Criativa e Governança Eficiente – a Agenda Teresina 2030 foi elaborada de forma participativa, em conjunto com instituições públicas municipais, estaduais e federais; empresas privadas de grande responsabilidade social; organizações do chamado Terceiro Setor; e entidades do movimento popular, sindical, classista, patronal, laboral e profissional.   “Estamos colocando à disposição da cidade o fruto de um trabalho participativo, uma agenda para guiar o crescimento urbano econômico e social de Teresina nos próximos 15 anos. É cada vez mais importante que as cidades possam adotar não apenas aqueles instrumentos de planejamento determinados constitucionalmente. Nós temos o orçamento, o planejamento anual, temos o PPA, mas é necessário que tenhamos uma visão de longo prazo, mais distanciada do futuro. E essa visão aponta os caminhos para que possamos chegar a esse sonho. Aqui é um momento de olhar para o futuro, ver que Teresina nós temos, que Teresina nós queremos e que trilhas nós queremos avançar nos próximos 15 anos”, disse o prefeito.   Para o secretário municipal de Planejamento e Coordenação, Washington Bonfim, a Agenda Teresina 2030: A Cidade Desejada une os objetivos de manter as conquistas da Agenda 2015 e de seguir construindo uma cidade para as pessoas: ambientalmente sustentável, socialmente inclusiva e economicamente justa.   “Teresina partiu de um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) médio, de 0,620, nos anos 2000, para a Agenda 2015. Agora, estamos partindo para a Agenda 2030 com um IDH alto, de 0,751. Teresina possui um Produto Interno Bruto (PIB) maior que os dos estados do Acre, Roraima e Amapá. Tivemos uma evolução importante em áreas como educação, saúde, assistência social e geração de emprego. Esses avanços demonstram a importância de planejar o futuro da cidade e norteiam os passos para enfrentarmos os desafios que se apresentam para os próximos 15 anos. Por isso a relevância da construção da Agenda Teresina 2030 de forma participativa: ouvir dos cidadãos seus anseios e seus desejos para a cidade; enfrentar de forma planejada e consciente os desafios; e construir coletivamente a cidade que desejamos”, ressaltou Washington Bonfim   Para baixar os documentos clique nos links abaixo: