SEMPLAN – Secretaria Municipal de Planejamento e Coordenação
Teresina, 23 de Abril de 2018

Você está em » Notícias

Secretário de Planejamento de São Luís visita Teresina para conhecer os trabalhos realizados pela Semplan

06/04/2018 - 14h04

A Secretaria Municipal de Planejamento e Coordenação (Semplan) de Teresina recebeu nessa sexta-feira (06) a visita do secretário de Planejamento e Desenvolvimento (Seplan) de São Luís – MA, José Cursino Moreira, que veio para a capital piauiense conhecer as experiências e as boas práticas de gestão pública.

 

Acompanhado pelo secretário municipal de Planejamento e Coordenação de Teresina, José João Braga, pela secretária executiva de Orçamento e Gestão da Semplan, Katiara Moura, e pelo coordenador de Controle e Gestão da Semplan, Domingos Júnior, José Cursino conheceu o desenvolvimento do sistema Construa Fácil, das práticas de gestão orçamentária, e metodologias de revisão do Plano Diretor de Teresina, cuja prática participativa é finalista do Prêmio Nacional MuniCiencia 2018.

 

“Esse processo de mútuo conhecimento é de grande relevância. As questões das duas cidades são parecidas, e com isso pode-se descobrir pontos de cooperação entre as capitais”, destacou José Cursino. “Vim conhecer o sistema administrativo funcional de planejamento da prefeitura de Teresina, a estrutura e os instrumentos de trabalho do processo de planejamento, para pegar os exemplos e quem sabe adequar à realidade de São Luís”, ressaltou.

 

Projetos como o Lagoas do Norte também foi destacado pelo secretário José Cursino. Para ele, o desenvolvimento do programa constitui um modelo exemplar e muito útil a ser seguido. “O Lagoas do Norte é uma vitrine, um bom exemplo de gestão social e urbana”, destacou.

 

Para o secretário da Semplan, José João Braga, esse intercâmbio reforça o compartilhamento daquilo que tem dado certo e que diversas ações têm sido exitosas. “É muito importante essa visita. Isso mostra a qualidade dos serviços que efetuamos, ao passo em que estamos servindo de base para outras secretarias municipais. Essa troca de experiência é saudável, pois contribuímos e somos beneficiados com conhecimento que podem nos ajudar para um melhor desenvolvimento dessas cidades”, concluiu.